VENTO DE 95 KM/H DESTRÓI ESTRUTURAS, DERRUBA ÁRVORES E DEIXA CAOS

Chapadão do Sul/MS

Na MS 306, o portal caiu na pista e causou um pequeno congestionamento. (Foto: O Correio News)
Na MS 306, o portal caiu na pista e causou um pequeno congestionamento. (Foto: O Correio News)

Vendaval com rajadas de até 95 quilômetros por hora derrubou postes, destelhou casas e prédios, afetou estrutura do terminal rodoviário e lojas na tarde de ontem (16), em Chapadão do Sul.

De acordo com o empresário e morador do município, Guilherme Alves Diniz Neto, a chuva que chegou com a ventania não foi tão forte. “Começou também a chover granizo, mas foi bem pouco. O que surpreendeu foram os ventos fortes que destelhou muitos comércios, a rodoviária, telhados de postos de combustíveis também foram arrancados pelo vento”, contou. O empresário contou ao Campo Grande News que até vidro de lojas foram quebrados com os ventos fortes.

Conforme a metereologista do Centec (Centro de Monitoramento do Tempo, Clima e Recursos Hídricos de Mato Grosso do Sul), Cátia Braga, o ápice da ventania foi agora a tarde. “Ainda não posso afirmar se foi um tornado, pois tenho as imagens, mas de longe não posso afirmar, mas não teve velocidade tornástica. O que aconteceu, foi uma mudança brusca de pressão, pois está muito quente e a umidade alta, causando as chuvas e a ventania”, alega.

Segundo Cátia, os ventos duraram 7h e começou a 30km por hora às 9h. As chuvas atingiram 22.2 milímetros. “Não havia previsão para hoje de ventos fortes e chuva no município. Foi uma surpresa. A princípio, também não há previsão para esse fenômeno ocorrer de novo, nem em Chapadão nem em outro local do Estado. Depende da natureza”, comenta. Fonte Campo Grande News.