TRABALHADORES RECEBEM NESTA SEXTA A SEGUNDA PARCELA DO 13º SALÁRIO

Segunda parcela tem descontos de Imposto de Renda e INSS

dinheiro 13Os patrões devem depositar nesta sexta-feira (18) a segunda parcela do 13º salário dos funcionários. Quem não cumprir o prazo estará sujeito a multa, que varia conforme o número de trabalhadores da empresa. A primeira parcela foi paga nas férias ou até o dia 30 de novembro.

Como acontece com o salário regular, o 13º também tem os descontos dos impostos e tributos. Assim, a segunda parcela do 13º é um pouco menor porque tem a mordida do IR (Imposto de Renda) na fonte, a contribuição para o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), as pensões alimentícias, se houver, e as contribuições associativas previstas em algumas convenções coletivas.

Segundo estimativa do Dieese (Departamento intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos), o pagamento do 13º salário (primeira e segunda parcelas) deve injetar cerca de R$ 173 bilhões na economia do País.

Perto de 84,4 milhões de brasileiros serão beneficiados com um rendimento adicional, em média, de R$ 1.924. Desses aproximadamente 33,6 milhões, ou 38,6% do total, são aposentados ou pensionistas do INSS.

Quanto eu vou receber?

O 13º é um salário adicional dado ao trabalhador que tem remuneração fixa. Para saber o valor da gratificação, é necessário dividir o salário de dezembro por 12 e multiplicar o resultado pelo número de meses que o empregado trabalhou no ano.

Quem recebe um salário bruto de R$ 2.000, por exemplo, e trabalhou os 12 meses deste ano, recebeu R$ 1.000 na primeira parcela do 13º salário e vai receber, na segunda parcela, R$ 817,58, contando apenas os descontos de IR e INSS. Fonte R7.