SUPERLOTAÇÃO EM DELEGACIA DE CHAPADÃO DO SUL

presos em chapadão
Delegacia comporta 8 presos e esta com 38. Superlotação pode gerar conflitos.

 Familiares de presos da delegacia de polícia de Chapadão do Sul estão divulgando imagens da superlotação das celas com capacidade para abrigar oito pessoas e que abrigam 38. Neste final de semana este número poderá chegar a 40 caso novas prisões sejam efetuadas. A construção da nova delegacia ainda está em fase de tratativas políticas porque o atual governador suspendeu todas as obras da gestão de André Puccinelli.

Nem mesmo o remanejamento de outros estados está sendo feito com a mesma agilidade. Fontes policiais confirmam a proximidade do colapso.

Todos os funcionários (investigadores e escrivão) e até os presos assinaram um manifesto endereçado ao delegado, Danilo Mansur, cobrando providências imediatas. Segundo fontes não confirmadas o caso será encaminhado aos órgãos que lidam com direitos humanos do estado. Brigas, ameaças, tensão e tentativas de fuga já fazem parte do cotidiano da Delegacia de Polícia de Chapadão do Sul.

Em agosto de 2014 o juiz da 1ª Vara Civil e Criminal, Dr. Sílvio Prado, limitou em apenas 12 o número de apenados no local. Como esta liminar caiu não há mais limite para a entrada de detentos. A superlotação transformou uma área residencial num perigoso barril de pólvora que poderá explodir a qualquer momento.

Casas podem ser invadidas e cidadãos transformados em reféns numa fuga em massa de homicidas perigosos, traficantes, ladrões e arrastadores de carros.(*) Com informações do Chapadense News.