STF DERRUBA DOAÇÕES ELEITORAIS OCULTAS

A mudança terá validade para as eleições de 2016.

O Supremo Tribunal Federal derrubou o trecho da minirreforma eleitoral aprovada neste ano, que permitia aos partidos ocultar a origem da verba de campanha destinada aos candidatos.

A Corte acatou a ação direta de inconstitucionalidade apresentada pela Ordem dos Advogados do Brasil sob o argumento de que o texto fere o princípio constitucional da publicidade. Fonte Band.