SAMARCO CONTRATA EMPRESA PERITA DESASTRE

Consultoria fará elaboração dos planos e supervisão de áreas atingidas

lama no mar
Lama chegou ao mar no Espirito Santo.

Dezessete dias depois do desastre ambiental que devastou o distrito de Bento Rodrigues, em Mariana, e atingiu o rio Doce até o Espírito Santo, a Samarco – cujos donos são a Vale e BHP Billiton – anunciou ontem a contratação de uma empresa especializada para a execução de um plano de recuperação ambiental. Nesse fim de semana, a lama, que percorreu cerca de 700 quilômetros, atingiu o mar na região de Regência, em Linhares (ES).

A empresa escolhida pela mineradora é a Golder Associates, consultoria de classe mundial com expertise em engenharia e meio ambiente para emergências ambientais.

Segundo a Samarco, a Golder será responsável pela elaboração dos planos, pela gestão e pela supervisão das ações que serão implementadas em todas as áreas afetadas com o rompimento da barragem de Fundão, em Mariana, ocorrido no último dia 5.

Nem valor do contrato nem o prazo para início das atividades foram divulgados. Fundada no Canadá em 1960, a Golder Associates realiza serviços como gerenciamento de recursos naturais, avaliação ambiental e social e descontaminação.

Mar laranja

Ontem, em Regência, muita gente saiu para ver de perto a dimensão dos estragos causados pela chegada da lama no município. Na foz do rio Doce, já era possível contar os peixes mortos. “Não tive coragem de sair de casa no sábado para ver a lama. Não sei o que será de nós daqui para frente. Todos precisam desse rio para sobreviver, é muito triste (ver essa situação)”, disse a moradora Rosangela Souto.

O secretário de Meio Ambiente de Linhares, Rodrigo Paneto, explica que a lama chegou ao mar por uma abetura natural na foz, na parte norte, e que, apesar de a prefeitura tentar “cavar” uma segunda saída, na parte sul, os esforços tem sido em vão. “Os ventos e a maré têm nos atrapalhado, por isso seguimos com apenas uma abertura. Queremos que essas ondas de lama passem o mais breve possível, pois só o mar terá capacidade de diluir essa sujeira”, explica Paneto.

Hoje à tarde, a região será visitada pela ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, acompanhada do governador Paulo Hartung. Fonte Band.