PREÇOS DE HORTIFRÚTIS SOBEM QUASE 90% NO MÊS NA CAPITAL

Variação climática puxou a alta nas cotações de produtos comercializados no Ceasa

Fortes variações climáticas nas regiões produtoras e início do período de entressafra impactaram fortemente sobre os preços dos hortifruti comercializados pelas Centrais de Abastecimento de Mato Grosso do Sul (Ceasa-MS) em outubro. Na média os produtos ficaram até 13,3% mais altos em relação a setembro, mas em alguns itens a alta chega a quase 90% em apenas um mês. A variação supera inclusive a inflação acumulada neste ano na Capital, de 8,18%, conforme o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido pelo Núcleo de Estudos e Pesquisas Econômicas e Sociais (Nepes) da Uniderp.

O chuchu, com alta de 87,8% (o quilo comercializado na Ceasa passou de R$ 1,17 para R$ 2,20), foi o campeão de aumento no período, seguido das folhosas — os preços da alface lisa e crespa subiram até 44,8% e foram de R$1,63 para R$ 2,36 (o preço considera o quilo do produto, comercializado em caixa de 7 kg). Salsa, coentro e rúcula, comercializadas respectivamente por R$ 1,15, R$ 1,79 e R$ 1,79 o maço, tiveram elevação, respectivamente, de 17,7%, 14,8% e 10,9%. Neste mês, o preço médio dos três produtos chega a R$ 1,35 (salsa), R$ 1,99 (rúcula) e R$ 2,06 (coentro).

Outro item que encareceu bastante para o consumidor foi o limão taiti (32,8%). O quilo da fruta avançou de R$ 3,17 para R$ 4,21, destacando que esse é o preço comercializado na Ceasa; no varejo é possível encontrar o cítrico na faixa de R$ 6,00 a R$ 7,00. Já o preço da vagem teve variação de 28,4% (de R$ 4,51 para R$ 5,79 o quilo) e o do tomate longa vida 21,3%, passando de R$ 1,87 para R$ 2,27 (no varejo, o preço ainda tem forte oscilação e há estabelecimentos comercializando o fruto por até R$ 4,50 o quilo). Completam a relação de maiores altas do mês a abóbora cabotiã (13%, de R$ 1,53 o preço subiu para R$ 1,73), o alho branco (12%, de R$ 12,75 para R$ 14,28 o quilo) e o morango (11,3%, de R$ 7,40 para R$ 8,25 o quilo, em média). Fonte Correio do Estado.