POR FALTA DE ESPAÇO NA AGENDA DE DILMA, FIBRIA ADIA LANÇAMENTO DE OBRAS EM TRÊS LAGOAS

Desenvolvimento

Fibria investe 7,7 milhões na expansão de sua indústria em Três Lagoas. (Foto: Assessoria).
Fibria investe 7,7 milhões na expansão de sua indústria em Três Lagoas. (Foto: Assessoria).

A Fibria adiou o lançamento da pedra fundamental de sua segunda linha de produção de celulose marcado para acontecer no dia 1° de outubro, em Três Lagoas. Informações apuradas Perfil Newsdão conta que o evento foi cancelado em razão de a presidente Dilma Roussef não poder mais estar presente nesse dia. A solenidade, que começaria às 10h, ainda não tem outra data prevista para ocorrer.

Desde a semana passada, a própria assessoria de imprensa da Fibria havia divulgado aos órgãos de comunicação 1° de outubro como o dia de abertura das obras. O presidente da empresa, Marcelo Castelli já estava com presença confirmada no lançamento. O Perfil News ainda foi informado que a falta de disponibilidade do senador Delcídio do Amaral nessa data também contribuiu para a suspensão do evento.

As obras da mais nova unidade de produção de celulose da Fibria, em Três Lagoas, estão avaliadas em 7,7 bilhões. Além disso, a construção deve impulsionar a economia do município e de todo o Estado. Pelo menos 8 mil empregos são estimados a serem gerados durante o desenvolvimento do projeto, denominado Horizonte 2.

A Assessoria de Imprensa da Fibria confirmou o adiamento do evento e informara a nova data, tão logo seja remarcada. A mudança de data da cerimônia não prejudicará no cronograma das obras. Fonte Perfilnews.