Menina com dengue hemorrágica segue na UTI

Saúde Publica

Vitória Oliveira Campos, 9 anos, de Três Lagoas, segue internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Universitário de Campo Grande desde a última quinta-feira (9) depois que exames confirmaram dengue hemorrágica. Seu estado é considerado estável.

De acordo com o Hospital Auxiliadora de Três Lagoas, onde ela foi internada inicialmente, a paciente deu entrada ao pronto socorro apresentando dores pelo corpo e febre alta no último dia 6. Ela foi atendida e liberada, porém, no dia 7 retornou a unidade de saúde onde ficou internada e acabou sendo transferida “as pressas” ao hospital de Campo Grande dois dias depois da internação depois de vomitar sangue. Vitória precisou ser transferida porque não há UTI para crianças no município.

Conforme a mãe da menina, Janete de Oliveira, ela precisou tomar sangue e segue na UTI pelo fato de as plaquetas estarem muito baixas. Mesmo assim, a garota não corre risco de morrer e responde bem ao tratamento. O hospital ainda não deu previsão de alta.

Conforme informações repassadas por e-mail pela diretora de Vigilância Epidemiológica, Neide Yuki, esse foi o primeiro caso de dengue grave (hemorrágica) registrado neste ano. Ela destacou que equipes de endemias intensificaram as ações de combate ao mosquito no bairro Santa Julia, onde a garota mora. Fonte: Correio do Estado.