INTERNADO COM SUSPEITA DE EBOLA CONTRAIU MALÁRIA

Esse é o resultado de teste preliminar aplicado pela Fundação Oswaldo Cruz; um segundo exame será realizado em 48 horas.

ebola
Profissionais da Saúde adotam procedimentos de segurança na transferência. (Foto Folhapress)

O homem internado no Rio de Janeiro com suspeita de Ebola não tem a doença. Segundo um exame médico preliminar, ele contraiu malária.

Esse foi o resultado do primeiro teste realizado pela Fundação Oswaldo Cruz. A expectativa era de que a informação fosse divulgada no fim da tarde, mas segundo Boechat a constatação de malária já foi confirmada pelo repórter da “IstoÉ”, Ronaldo Herdy, com quem ele trabalha na revista semanal.

Vindo da Guiné, na África, o homem chegou ao Brasil no dia 6 de novembro e estava em Belo Horizonte (MG). Ele começou a apresentar sintomas como febre alta, dor muscular e de cabeça no último domingo (8), mas só foi transferido para o Rio de Janeiro na noite da quarta-feira (11).

O paciente ainda vai ser submetido a um segundo teste, em 48 horas, para afastar definitivamente a possiblidade de contágio por Ebola. Fonte Band.