FILHA DE POLICIAL, JOVEM DE 18 ANOS É MORTA NO BANHEIRO COM TIRO NA CABEÇA

Durante a madrugada de hoje, polícia prendeu um suspeito pela morte da menina

Marielle era frequentadora de grupo de jovens da Igreja Católica. (Foto: Reprodução/Facebook)
Marielle era frequentadora de grupo de jovens da Igreja Católica. (Foto: Reprodução/Facebook)

Uma jovem de 18 anos morreu depois de ser atingida por um tiro na cabeça, na casa onde morava, no Centro de Ivinhema. Marielle Vieira estava em casa com mais dois amigos e foi encontrada morta no banheiro, por volta das 22 horas de ontem (20).

De acordo com a Polícia Civil da cidade, um jovem foi preso durante a madrugada deste sábado. Ele é o suspeito de ter matado Marielle e, conforme investigadores, era um dos amigos que estavam com ela em casa. A idade do jovem, no entanto, não foi divulgada. Estavam na casa de Marielle um adolescente de 16 anos e outro de 19 anos.

A perícia da Polícia Civil de Nova Andradina constatou que o tiro disparado contra a jovem atingiu a região da nuca e o projétil saiu pela fronte.

Segundo apurou o site Ivinotícias, Marielle era filha de um policial militar aposentado e frequentadora ativa de grupo de jovens da Igreja Católica da cidade. Fonte Ivinotícias/Correio do Estado.