EM UM DIA DE TRABALHO, ESTUDANTE DE ENGENHARIA DÁ GOLPE DE R$ 25 MIL EM EMPRESA

Jovem tem 20 anos e foi flagrado com mercadorias que deveriam ter sido entregues

Jovem é estudante de engenharia civil. (Foto: Reprodução/Facebook)
Jovem é estudante de engenharia civil.

Um estudante de engenharia foi preso na noite de ontem (30) depois de ser flagrado com produtos que deveriam ter sido entregues a moradores de Campo Grande. O jovem estava no primeiro dia de trabalho, em uma empresa de entregas, mas ao invés de fazer o serviço, o rapaz furtou os objetos. O prejuízo estimado pela empresa é de R$ 25 mil.

Pedro Henrique Ferreira Mongelo tem 20 anos e está no primeiro ano do curso de Engenharia Civil. De acordo com o delegado plantonista Cleverson Alves, Pedro teria sido motivado a praticar os crimes por outro funcionário da empresa, identificado como Mauricio Ribas Dutra Junior, de 38 anos.

A investigação revelou que Pedro saía da empresa que é contratada por sites para entregas de mercadorias na Capital e não levava os itens para as residências. O estudante desviava tudo e alguns objetos iam para a casa dele, no bairro Rouxinóis e outras para a casa do colega de trabalho, no bairro Santo Amaro.

Entre os itens estão smartphones de última geração, relógios, tênis, roupas, acessórios e até aparelhos de som automotivo. Todo o prejuízo de um dia de entrega não realizada somou R$ 25 mil.

Depois de o dono da empresa descobrir o golpe, acionou a polícia que encontrou os produtos na casa de Pedro. Outros itens também foram recuperados na casa de Mauricio.

O jovem de 20 anos foi preso em flagrante e responderá pelo crime de apropriação indébita. O delegado fixou fiança de três salários mínimos para a saída do rapaz, mas até agora o valor não foi pego e ele está detido na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) da Vila Piratininga. O caso segue sob investigação. Fonte: correio do Estado.