CRIAÇÃO DO PLANO ESTADUAL É FORTALECIDO EM 3ª CONFERÊNCIA DA JUVENTUDE

Campo Grande/MS

juventude conferenciaCom o tema: “As várias formas de mudar o Brasil”, a 3ª Conferência Estadual da Juventude, que aconteceu na última sexta-feira (15), trouxe para a Capital um debate democrático e participativo sobre o que os jovens sul-mato-grossenses querem para o Estado e para o Brasil.

O deputado estadual Marcio Fernandes, presidente do Conselho Estadual da Juventude de Mato Grosso do Sul, ressaltou a importância da Conferência para nortear as políticas públicas voltadas para a juventude lembrando que o baixo investimento na educação e a falta de vagas no mercado de trabalho são fatores que precisam ser discutidos com muita persistência. “É um desafio para todos nós, mas esse evento torna possível, a partir dos debates, a melhoria do acesso dos jovens a direitos como saúde, cultura e educação”, afirmou.

De acordo com o presidente do Conselho Nacional de Juventude, Daniel Souza, a Conferência tem por objetivo valorizar a diversidade da juventude, garantir uma plataforma digital que amplie as oportunidades de debates e combata os preconceitos e opressões. “Queremos pensar este momento como um espaço de mobilização para defender o direito mínimo à juventude que é o direito à vida e as possibilidades de desenvolvimento dos cidadãos do nosso país”, conclui.

Desde o início de agosto as conferências municipais foram realizadas no interior do Estado reunindo centenas de jovens e gestores locais. As propostas discutidas em todas as etapas servirão de subsídio para a elaboração do Plano Nacional de Juventude. O subsecretário Estadual de Políticas para Juventude, Thiago Freitas, apresentou as ações realizadas pelo Governo do Estado em prol da juventude sul-mato-grossense com foco no empreendedorismo.

“Criamos um programa de microcrédito e queremos fomentar o interesse dos jovens para os negócios. Este é um caminho para que cada um construa um novo futuro”, disse.

A 3ª Conferência Estadual promoveu discussões a partir de onze eixos: Participação, Educação, Trabalho, Diversidade e Igualdade, Saúde, Cultura, Direito à Comunicação, Esporte e Lazer, Meio Ambiente, Território e Mobilidade, Segurança e Paz. Nesta etapa estadual, foram eleitos os delegados representantes de Mato Grosso do Sul que vão participar da etapa nacional que vai acontecer em Brasília (DF) em dezembro deste ano. Fonte Correio do Estado.