CIENTISTAS DESCOBREM CHEIRO DA MORTE

Ciência

Cientistas belgas podem ter descoberto o cheiro que o corpo humano exala após sua morte. Pesquisadores da universidade de Leuven identificaram 452 compostos orgânicos que são emitidos durante o processo de decomposição do nosso corpo.

Durante seis meses, os cientistas analisam seis cadáveres humanos e 26 cadáveres de animais diversos. 

Coletando e armazenando em recipiente fechado amostras de tecidos e de órgãos em decomposição, os pesquisadores retiraram gases que se acumularam dentro dos recipientes para definir o “cheiro da morte”.

Com o resultado da pesquisa, será possível trabalhar melhor o treinamento de cães farejadores e até no desenvolvimento de máquinas em operações de resgate de corpos em grandes desastres. Fonte Band.