APLICATIVO QUE AJUDA NO COMBATE À VIOLÊNCIA AINDA NÃO FUNCIONA

Campo Grande/MS

casa da mulher
O aplicativo foi desenvolvido pelo instituto de tecnologia do município ao custo de R$ 20 mil

Travado há 8 meses, o chamado ‘Botão da Vida’, conhecido ainda como ‘Botão do Pânico’  ganha novo prazo para começar a operar. Mulheres vítimas de violência e com medidas protetivas autorizadas pelo Judiciário poderão usar o dispositivo a partir do segundo semestre, isso se o sistema ficar pronto, como garantiu a prefeitura da Capital. 

O aplicativo foi desenvolvido pelo instituto de tecnologia do município ao custo de R$ 20 mil, e através dele a vítima poderia emitir chamado de socorro instantâneo caso estivesse em perigo com o agressor.  

No primeiro momento, a intenção era de que 200 mulheres pudessem usar o aplicativo como forma de teste. Conforme disse Liz Derzi, Secretária Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres, o recurso ainda não ficou pronto porque foram encontradas falhas na operação. Fonte Correio do Estado.