ANEEL APROVA REDUÇÃO DO VALOR DA BANDEIRA TARIFÁRIA VERMELHA

Energia Mais Barata

Aneel aprova redução do valor da bandeira tarifária vermelha
Aneel aprova redução do valor da bandeira tarifária vermelha

Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) aprovou nesta sexta-feira (28), a redução do valor da bandeira tarifária vermelha de R$5,50 para R$4,50 a cada 100 quilowatts-hora (kW/h) consumidos. A alteração do adicional de bandeira vermelha vai vigorar de setembro a dezembro deste ano.

O sistema de bandeiras tarifárias sinaliza aos consumidores os custos reais da geração de energia elétrica. O funcionamento é simples: as cores das bandeiras (verde, amarela ou vermelha) indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração de eletricidade. Com as bandeiras, a conta de luz fica mais transparente e o consumidor tem a melhor informação para usar a energia elétrica de forma mais consciente.

A bandeira é verde quando as condições de geração são favoráveis e a tarifa não sofre nenhum acréscimo. Se o cenário for um pouco mais crítico, com necessidade de despachar térmicas com CVU entre R$ 200/MWh e R$ 388,48/MWh, a bandeira é amarela.

Por fim, se a condição de armazenamento dos reservatórios é ainda mais crítica, e são despachadas térmicas com CVU mais alto que R$ 388,48 MW/h, a bandeira é vermelha.

O aperfeiçoamento do sistema de bandeiras tarifárias ficou em audiência pública de 14/8 a 24/8/15. No período, a audiência recebeu 25 contribuições da sociedade. (DB/JS)

*Custo Variável Unitário – CVU (Leilão) – Valor expresso em Reais por Megawatt-hora (R$ MW/h), necessário para cobrir todos os custos operacionais do empreendimento. Fonte Correio do Estado