60 USINAS DE ETANOL FORAM AUTUADAS PELA ANP EM 2014

A quantidade de autos de infração aplicados pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) às usinas produtoras de etanol mais que dobrou no último ano. Em 2014 foram verificadas 60 infrações, enquanto em 2013 o número foi de apenas 29.

 O principal motivo das infrações foi a falta de apresentação de informações à agência, seguida pela construção ou operação de instalações e equipamentos em desacordo com a legislação.

Os dados revelam a dificuldade que a ANP está tendo para garantir que as usinas forneçam as informações necessárias para o acompanhamento do mercado. Até agora a ANP não informou o volume de etanol produzido pelas usinas e justificou que estes dados “estão sendo analisados quanto a sua qualidade e confiabilidade”.

A agência regula o mercado de etanol desde 2012 e ainda não tem segurança sobre a produção no país. Para pressionar o setor produtivo, a ANP tem distribuído multas às usinas infratoras.